Clinica do Nariz e Face

RINOPLASTIA
CIRURGIA DO NARIZ

A Cirurgia Plástica do Nariz — Rinoplastia — é uma operação na qual se melhora a forma do nariz. Há dois tipos de narizes “tortos”: os que resultam de um acidente e os que cresceram “tortos”. Do ponto de vista do Cirurgião Nasal, é preferível a palavra harmonioso (mais torto é igual a menos harmonioso). A estética de um nariz é indissociável da face onde se encontra, pelo que o objetivo desta cirurgia é conseguir um nariz harmonioso com a restante face. A Rinoplastia é um procedimento que exige um paciente bem esclarecido. Trata-se de uma cirurgia com algumas limitações e com propósitos muito bem delineados, pelo que o candidato deverá saber exatamente aquilo que pretende e o que é possível fazer pelo seu nariz. Deverá discutir com o cirurgião todas as possibilidades de melhoria estética nasal.

Também designada por Septo-Rinoplastia, a rinoplastia é uma cirurgia complexa que só deve ser executada por cirurgiões com conhecimentos avançados e treino apropriado. Trata-se de uma cirurgia extremamente gratificante para o doente e para o cirurgião quando os resultados são os definidos previamente, pelo que deve discutir o seu caso com os especialistas.

CORREÇÃO ESTÉTICA DO NARIZ

   A RINOPLASTIA É UMA OPERAÇÃO ESTÉTICA OU RECONSTRUTIVA QUE HARMONIZA O NARIZ EM CONJUNTO COM AS RESTANTES PARTES DO ROSTO.

RINOPLASTIA
CIRURGIA DO NARIZ

A Cirurgia Plástica do Nariz — Rinoplastia — é uma operação na qual se melhora a forma do nariz. Há dois tipos de narizes “tortos”: os que resultam de um acidente e os que cresceram “tortos”. Do ponto de vista do Cirurgião Nasal, é preferível a palavra harmonioso (mais torto é igual a menos harmonioso). A estética de um nariz é indissociável da face onde se encontra, pelo que o objetivo desta cirurgia é conseguir um nariz harmonioso com a restante face. A Rinoplastia é um procedimento que exige um paciente bem esclarecido. Trata-se de uma cirurgia com algumas limitações e com propósitos muito bem delineados, pelo que o candidato deverá saber exatamente aquilo que pretende e o que é possível fazer pelo seu nariz. Deverá discutir com o cirurgião todas as possibilidades de melhoria estética nasal.

Também designada por Septo-Rinoplastia, a rinoplastia é uma cirurgia complexa que só deve ser executada por cirurgiões com conhecimentos avançados e treino apropriado. Trata-se de uma cirurgia extremamente gratificante para o doente e para o cirurgião quando os resultados são os definidos previamente, pelo que deve discutir o seu caso com os especialistas.

   A RINOPLASTIA É UMA OPERAÇÃO ESTÉTICA OU RECONSTRUTIVA QUE HARMONIZA O NARIZ EM CONJUNTO COM AS RESTANTES PARTES DO ROSTO.

Reproduzir vídeo

COMO SE REALIZA
A RINOPLASTIA?

A Rinoplastia é uma cirurgia complexa que pressupõe conhecimentos de anatomia e fisiologia do nariz assim como um longo precurso de aprendizagem. O nariz é uma pirâmide com uma função de extrema importância. Da sua constituição, fazem parte Cartilagens, Osso, Mucosa, Músculos, Gordura e Pele. Normalmente, a cirurgia é toda efetuada por dentro do nariz não deixando cicatrizes. Contudo, por vezes, é necessário fazer um pequeno corte na base do nariz (columela) para “abrir” o nariz e facilitar o acesso a todas as estruturas. Esta cicatriz é praticamente impercetível.

REALIZAÇÃO DE RINOPLASTIA

RESULTADOS

ANTES E DEPOIS

PÓS-OPERATÓRIO
DE RINOPLASTIA

O pós-operatório da Rinoplastia tem uma dor moderada que é perfeitamente controlada com medicação. Nos dias a seguir à cirurgia, deverá evitar exercício físico e ambientes demasiado quentes. No pós-operatório, o controlo da dor é feito com paracetamol — este período não é doloroso, é mais o incómodo do que a dor. O paciente poderá respirar pelo nariz desde o fim da cirurgia se cumprir as ordens prescritas. Ainda há muito pacientes que sofrem no processo pós-operatório devido a técnicas antigas ainda hoje utilizadas, mas que já não fazem qualquer sentido. Para saber mais sobre o pósoperatório, leia o documento de apoio.

CORREÇÃO ESTÉTICA DO NARIZ

CORREÇÃO ESTÉTICA DO NARIZ

DÚVIDAS SOBRE RINOPLASTIA

RINOPLASTIA
ULTRASSÓNICA

A Rinoplastia ultrassónica é uma técnica de cirurgia francesa que esculpe o nariz com muito mais precisão. O motor da inovação é justamente este: um pequeno motor movido a energia ultrassónica, acoplado a uma ponteira desenhada para esculpir o osso do nariz. Na rinoplastia tradicional, o médico faz uma incisão no interior das narinas, insere o escopro (uma espécie de cinzel de ponta cortante) e, com um martelo, vai desbastando o osso sem ver, baseando-se no tato e no som dos instrumentos. Na Rinoplastia ultrassónica, a maior parte da pele do nariz é afastada e, com o osso exposto, o cirurgião manuseia o aparelho em micro-movimentos rápidos e precisos. A baixa frequência preserva cartilagens, mucosas e vasos sanguíneos, o que resulta na ausência de hematomas evidentes.

RINOPLASTIA DE PRECISÃO

  A RINOPLASTIA ULTRASSÓNICA ESCULPE O NARIZ DE UMA FORMA MAIS PRECISA QUE UMA RINOPLASTIA TRADICIONAL.

RINOPLASTIA
ULTRASSÓNICA

A Rinoplastia ultrassónica é uma técnica de cirurgia francesa que esculpe o nariz com muito mais precisão. O motor da inovação é justamente este: um pequeno motor movido a energia ultrassónica, acoplado a uma ponteira desenhada para esculpir o osso do nariz. Na rinoplastia tradicional, o médico faz uma incisão no interior das narinas, insere o escopro (uma espécie de cinzel de ponta cortante) e, com um martelo, vai desbastando o osso sem ver, baseando-se no tato e no som dos instrumentos. Na Rinoplastia ultrassónica, a maior parte da pele do nariz é afastada e, com o osso exposto, o cirurgião manuseia o aparelho em micro-movimentos rápidos e precisos. A baixa frequência preserva cartilagens, mucosas e vasos sanguíneos, o que resulta na ausência de hematomas evidentes.

  A RINOPLASTIA ULTRASSÓNICA ESCULPE O NARIZ DE UMA FORMA MAIS PRECISA QUE UMA RINOPLASTIA TRADICIONAL.

RINOPLASTIA DE REVISÃO

A revisão de Rinoplastia é das revisões mais frequentes em cirurgia. A taxas gerais de revisão rondam os 10 a 20%. Algumas revisōes são simples e efetuam-se com anestesia local. A revisão deverá sempre ser efetuada um ano depois da primeira cirurgia, ou antes se as condições de cicatrização o permitirem. As principais razões para revisão são: algum erro de planeamento/execução do cirurgião, uma cicatrização anormal ou maus cuidados no pós-operatório ou o envelhecimento com “novas” alterações no nariz. Por vezes há múltiplos fatores para se efetuar uma revisão. É fundamental perceber bem o que sucedeu, se as expectativas do paciente são realistas e qual o grau de fibrose (má cicatrização).

TESTEMUNHOS

MARQUE A SUA CONSULTA DE AVALIAÇÃO

Quer esclarecer as suas dúvidas quanto a algum procedimento ou intervenção cirúrgica? Ou talvez fazer uma simulação facial de acordo com a área do rosto que pretende harmonizar? Marque já a sua consulta de avaliação num dos nossos consultórios.